Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DORES

ESSAS DORES QUE NAO SARAM
QUE SE APROFUNDAM E NOS MACHUCA
ESSAS LAGRIMAS QUE DESCEM
COM CHEIRO DE MORTE PROFUNDA

DIAS INTENSOS
HORAS APAVORANTES
MOMENTOS CONFUSOS
TRISTES TRISTEZAS

A PELE QUE ARDE AO SUSSURRO
GARGANTA QUE DOI AO GEMER DO CHORO
ARDE O CORAÇAO DE LEMBRAR
ARDE O CORAÇAO EM ME VER ASSIM

MEREÇO TAL COISA
TODA VITIMA DA  DOR SE ESTREMESSE
COMO AGUA AO CHAO SE DESPEDAÇA
COMO AGUA SUGADA AO SOLO RESSEQUIDO

LAMENTO MINHA DOR
MINHAS QUEIXAS SAO PROFUNDAS
MINHA VIDA SE ESMORONA
MEUS PASSOS SE PADECEM

AQUI ME ESVAZIO EM LAGRIMAS
ME ENCHO DE UM VAZIO
ME EXPLODO DE TRISTEZAS
TRISTEZAS IMENSAS, IMENSAS TRISTEZAS

ALEXANDRE RIBEIRO     07-11-2007



ALEXANDRE RIBEIRO
Enviado por ALEXANDRE RIBEIRO em 07/11/2007
Código do texto: T727074
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ALEXANDRE RIBEIRO
Itajubá - Minas Gerais - Brasil, 31 anos
55 textos (1003 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 09:27)
ALEXANDRE RIBEIRO