Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Matéria-prima

Por trás de cada poesia
Escondo a sujeira –
Poeiras da alma,
Restos de sonhos,
Sobras e sombras...

Por trás de cada palavra,
Um nó apertado –
Laços da vida,
Amarras do tempo,
Algemas e fitas...

Por trás de cada sentido,
Um significado –
Olhos de vidro,
Mãos de papel,
Coração de plástico.

P.S. Poema com final alternativo:
o último verso pode ser substituído por
“coração de aço”,
ficando a critério do leitor.
Teco Sodré
Enviado por Teco Sodré em 17/11/2005
Código do texto: T72719


Comentários

Sobre o autor
Teco Sodré
Salvador - Bahia - Brasil, 42 anos
316 textos (16710 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/01/21 03:20)
Teco Sodré