Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Isto é um jogo

Qual a minha culpa em querer o direito de sentir?
Levaram-me tudo, sonhos e amores.
Hoje nada sou além de um robô,
Apenas mais um no meio da multidão,
Uma estrela morta no espaço
Em meio sua gigantesca imensidão.
Hoje sou um monopolizado
Escravo de meu EU,
Escravo do governo, e principalmente de meu patrão.
Sou escravo do capitalismo
Esse que me faz ficar louco!
Por ter de calcular quando irá custar
Cada minuto, cada dia, cada hora,
Cada mês, cada ano de minha vida.
Odeio esse mundo
Que me fez amadurecer
E somente sobre a merda da realidade escrever,
Fazendo-me dos meus amores esquecer
Odeio a parte de nossas vidas
Que nos obriga a crescer.
Poeta Aprendiz
Enviado por Poeta Aprendiz em 18/11/2007
Código do texto: T741640

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (Nome + atalho para obra). Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta Aprendiz
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
109 textos (9390 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 20:21)
Poeta Aprendiz