Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esta Arte

Esta arte que cultivo desde a infância
é obra rara e inerente ao homem,
Transcende a alma e fomenta a esperança,
Faz do tristre alegre e que o odioso ame.

A labuta é grande e constante.
É como caminheiro no deserto,
caminha incansavelmente,
mas, louco de sede, vê muita água perto.

Porém, a água, objetivo do escritor, lhe é alheia;
Infelizmente a intenção não concretiza,
De nada vale mirar a água: é só areia
E todo sonho, antes tido, se finaliza.

Perdido o escritor escreve
Na alma do mundo: imensidão
Transcende o sensível nas letras.
Oh desilusão!
Boson
Enviado por Boson em 30/11/2007
Reeditado em 21/06/2008
Código do texto: T759780

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Boson
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 26 anos
8 textos (135 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 20:42)
Boson