Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DUALIDADE

      COMO FALAR EM DIA, SE NÃO HOUVESSE NOITE;
      COMO FALAR EM IDOSOS, SE NÃO OLHARMOS AS CRIANÇAS...
      COMO EXPLICAR A ARIDEZ, SE NÃO ENXERGARMOS OS JARDINS.
      DE QUE ADIANTARIA TER O BELO SE NÃO PUDESSE SER COMPARADO COM O FEIO...
      SÓ EXISTEM OS SONHOS, PORQUE VIVEMOS A REALIDADE...
      QUAL A CHANCE DE PREGARMOS A PAZ, CASO NÃO CHEGUEM GUERRAS?
      PARA QUE SERVIRIA TER RIQUEZA, SE NÃO PUDER OPOR-SE À POBREZA...
      DUALIDADE FAZ PARTE DA CONDIÇÃO HUMANA. MESMO SENDO TÃO DISTINTAS, ESTÃO OBRIGATÓRIAMENTE UMA PARA A OUTRA, IRONIA DA VIDA...
      PARA QUE  PROCURARMOS ACERTOS, SE NÃO CONCORRERMOS COM ERROS...
      QUAL O VALOR DA FELICIDADE, CASO NÃO SENTIRMOS O FEL DA TRISTEZA...
      ENTENDERMOS A VIDA, É ACEITAR QUE EM TUDO MUITAS FACETAS SE APRESENTAM, BASTA ESCOLHER QUAL DELAS VAMOS CONTEMPLAR.
      VERDADEIRAMENTE VALOROZO SERIA ENTENDERMOS E ACEITARMOS QUE A ESCURIDÃO NÃO EXISTE, O QUE ACONTECE EM MUITOS MOMENTOS, É APENAS AUSÊNCIA DE LUZ!!!
ANDRÉA FÉLIX
Enviado por ANDRÉA FÉLIX em 26/11/2005
Código do texto: T76844


Sobre a autora
ANDRÉA FÉLIX
Santa Barbara D'Oeste - São Paulo - Brasil
212 textos (6155 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/02/20 08:31)
ANDRÉA FÉLIX