Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONFLITO


Sua forma feminina
despencou do alto da sua segurança.

Ela, comigo por perto,
perdeu-se na claustrofobia dos elevadores,
subiu tanto que não pode alcançar nem a chuva
que caiu do alto, de açoite, para não entristece-La.

Sua forma, tipicamente feminina,
me protege com seus seios maduros
que agora murcham complacentes ao meu rosto.
Sua forma, generosa e farta em lábios,
aguardam o sugar dos beija-flores excitados
e inseguros que nos beijam quase transgressores.
E, protegendo um temor prestes a se rasgar,
do chão deu tempo para chorar todos os lamentos
enquanto essa feminilidade quedada do Céu,
moldou-se na forma mais absoluta de Deus.

Feminina, errante e sutil,
a mulher menstruada, um Deus feminino,
guardou no nicho o desejo sublime das putas
e chorou pelo filho não vingado deste mês!...
Djalma Filho
Enviado por Djalma Filho em 30/03/2005
Código do texto: T8751
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Djalma Filho
Salvador - Bahia - Brasil
662 textos (20938 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/08/20 15:36)
Djalma Filho