Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quanto a Você ...

Entenda assim.

A gente se afasta e se liberta.
É o certo. Não vou estar por perto.
Ficarão as sementes que plantei nos seus dias.
Germinará o que de belo foi semeado em mim.

Nos devolvemos aos nossos mundos.
Você retorna a seu inverno.
À brancura dos paralelos glaciais.

Eu fico com o Sol que incandesce
colorindo de luz os vapores tropicais.
No meu Rio de verão eterno.

Você leva esse olhar turqueza
Sua aura de guerreiro viking
e os matizes das auroras boreais.

Eu levo a certeza do vinho
na herança de meus ancestrais.
Retomo o insondável caminho.

Troco sonhos por realidade.
Sax e guitarra pela nua verdade
desse meu prosseguir sozinho.

Porque sou assim.
Ensino a liberdade.
Depois retorno a mim.

Reoriento meus sinais.

Eu persisto.
Eu insisto.
Eu existo.

E Helsink nunca mais ...


Claudia Gadini
28.12.05
Claudia Gadini
Enviado por Claudia Gadini em 28/12/2005
Código do texto: T91176


Comentários

Sobre a autora
Claudia Gadini
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
319 textos (55695 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/20 05:34)
Claudia Gadini