Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E FOI ASSIM...



Você apareceu pra me salvar
Mesmo eu não querendo te olhar
Insistiu até agora a pouco em ficar
Mas o que você não sabe
É que preciso de um amor  só pra mim
Que não da pra viver assim
Te dividindo com outros amores
Porque você fez morada no meu coração
Discretamente...
Bem devagar
Sem mesmo me aperceber...
E por mais que tentei me encaixar
Nessa vida que você tem pra me dar
Assim....só pra estar...
Não consegui evitar
Não consigo não pensar
Que não é só comigo
Que você vai ficar
E sem rumo procurando
Você vai...
E sem rumo procurando
Eu também vou....
Alguém que me pegue pela mão
E não me deixe olhar para trás
Para os meus olhos os teus não encontrar
Me pedindo para ficar...para voltar...
Me deixe nas tuas lembranças
Perdoe as minhas incoerências...
Incoerências de te dizer...
Eu te aceito assim...
E quando pensa que ta tudo bem...
Me revelo  no meu ciúme incontido
E me lembro,que nunca foi meu
E nunca será de ninguém!
Só um pássaro solitário
Procurando abrigo nos braços
De quem você fez te amar
Sem nada prometer
Sem nada esperar....
Apenas dando amor
Buscando amar...
E foi assim...
Sem conseguir evitar
Amando e me deixando amar
Tentando me encaixar no teu jeito
Pra poder perto de você ficar
Não consegui me controlar
Quando imagino que não foi minha boca
Que teus beijos receberam então
Nem meu corpo de encontro ao seu esteve
Que não foi meu nome que você  falou
Que não foi nos meus olhos que você olhou
E nem comigo o amor que você fez!!!
Eu sempre fui tua
Você nunca foi meu!
Eu tentei ignorar...
Mas eu só consegui me enganar...
Me machucar
Achando que conseguiria aceitar
O teu jeito livre
Louco
Doce
Irresistível
DE AMAR!!!

Lia Hydalgo

14/04/08





Lia Hydalgo
Enviado por Lia Hydalgo em 14/04/2008
Código do texto: T945355

Comentários

Sobre a autora
Lia Hydalgo
Atibaia - São Paulo - Brasil
112 textos (7804 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/05/21 02:00)
Lia Hydalgo