Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Você me ligou e só disse: Alô, eu existo. E me bastou

O telefone tocou naquele momento
Quando tudo era desalento
Não havia vento
Tudo era disforme
O calor no inverno
O ar seco. Inferno.

O telefone tocou naquele momento
Quando tocava Billie Holyday
Um desespero só
Fazia dó
O desânimo
Desengano

Você disse alô sou eu. Tudo bem?
Você me salvou
Deu alegria
Lembrou da rua
Do ar fresco
De crianças
Tirou meu ranço
Passou cola na fissura

Você é meu anjo, eu já sabia
Mas não tinha noção
Da sua precisão
Você me tirou a dor
(um pouco)
Eu que era só desilusão
O telefone tocou
E você só o fez pra dizer
Alô. Tudo bem!

Você me tirou da beira do abismo
Do fundo do oco
Me deu gosto de novo
Aliviou meu peito
E você só ligou
Pra dizer: Alô. Tudo Bem.
Eu existo. A vida é bela
E todas aquelas balelas
Que se diz assim
Mas foi bom
Sai daquele. Votei pra mim.
(por hora)
Raul Los Dias
Enviado por Raul Los Dias em 28/07/2006
Reeditado em 29/07/2006
Código do texto: T204260


Comentários

Sobre o autor
Raul Los Dias
Argentina
511 textos (82505 leituras)
1 e-livros (189 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/03/21 21:08)
Raul Los Dias