Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

“Cômoda”


Fiz uma limpeza na minha “Cômoda” vida
Cansada da cruel situação
Dei uma boa sacudida nas gavetas...
Joguei fora uns grampinhos velhos; os desânimos
Com eles foram uns anéis; chamados dúvidas
Tirei o pó que cobria a pulseira; esperança
E todas as gavetas limpei do que não mais queria

Ao limpar a ultima gaveta, vi algo interessante
Nem lembrava que eu tinha aquela peça brilhante
Era um lindo porta-jóias que herdei ao nascer...
Estava coberto por lenço chamado tristeza
Parei, pensei, enfim resolvi também jogar
Para bem longe aquele lenço
Que tanta dor me fez lembrar

Apanhei logo paninho bem delicado
Para aquele porta-jóias limpar
Raminhos chamados carinhos
Envolviam seu nome todinho
Mas ainda tinha umas frestinhas
Cobertas por um pozinho; ciúmes
Esse também apressada, resolvi me descartar

Com a escovinha tolerância, limpo enfim o pude ver
Tinha me esquecido um lindo detalhe
Que tinha no porta-jóias, aquele seu nomezinho
Esculpido em especiais letras douradas
Fazia-me feliz ler seu nome; “Amor”
Enfim o abri como a tesouro achado
Esqueci o que ali continha

Tão delicadas pedras de valor
Perseverança, paz e alegria
Formavam um lindo colar
Que apressei-me a usar
Depois de tudo isso feito
Percebi surpreendida
Outra jóia ali havia ainda

Pois em baixo daquele colar
Tinha um todinho em pérolas
Desenhando seu lindo nome; alegria
AnjoLuzPoetiza
Enviado por AnjoLuzPoetiza em 08/11/2007
Reeditado em 05/05/2009
Código do texto: T728718
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
AnjoLuzPoetiza
Alagoinhas - Bahia - Brasil
372 textos (16218 leituras)
2 e-livros (49 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 08:50)
AnjoLuzPoetiza