Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A GUARDIÃ DOS SONHOS

À Sónia Princesa Imperatriz Borboleta Rainha, à qual pedi emprestado o título de um lindíssimo conto/poema que tive a suprema honra de ler, e foi ele que me inspirou as seguintes linhas
A GUARDIÃ DOS SONHOS

Que vivia nas mais belas pastagens
Que um ser pode ter
Vivia nas pastagens da alma
Nas quais tudo é, tudo podia ser

Entre o céu a Terra fica esse lugar
Mas só dentro das poucas pessoas
Que lá saibam estar

Cada sonho era por ela amado
Como se fosse o derradeiro
Podiam estar a morrer de velhinhos
Mas eram únicos, todos iguais
Pois eram todos verdadeiros

Cada um contava uma história
De um futuro
Muitas vezes impossível
Ela sabia-o mas não os descurava
Pois até onde a leva a memória
Ela sabia
Que por detrás duma utopia
Pode vir uma vitória
Cada sonho que nunca o chegou a ser
É pai e mãe doutro bem real
E tudo depende apenas do nosso crer
Pois cada aurora que nasce
Conta uma nova história
Com outras personagens
Mas com o mesmo sonho
Que nos leva à desejada glória
E ela lá está
Para não deixar a fantasia morrer
Princesa Borboleta
Alma principal
Que todos os sonhos merece ter e concretizar
Ela devia e merece
Estar
Onde a felicidade habite
E a tristeza ser apenas uma recordação
Onde as trevas sejam uma nunca
Colocada questão
Simplesmente porque é :

A Guardiã dos sonhos
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 30/05/2006
Código do texto: T165778


Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5532 textos (188186 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/02/21 14:39)
Miguel Patrício Gomes