Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORREIO

emoção
chega silenciosa
às minhas mãos
com indelével perfume
na tarde fria da minha cidade
não soprado por mim

surpresa
vem de longe
faceira

a caixa amarrotada
traz brisas delicadas
não pesa quase nada
não aquecida por mim

não foi tramada
por qualquer vivente
tampouco pelo entregador
mostra-se carente
cruzou ares
de Jaraguá do Sul
criou asas o amor no pacote
não arrumado por mim

vem da mulher de triste olhar
nas veias o pulsar da poesia
sonha eternizar momentos

Que mundos me traz?
Que fantasias?

Por instantes
larga o papel
rimas e versos
prepara a emoção

agarro-a
como a um troféu
inquieta
curiosa
acaricio-a com dó
encosto no coração
quase ouço seu palpitar
que não foi tecido por mim

feliz
rasgo-a, afoita
algo me diz:
ali dentro está a emoção

prende o meu olhar
mãos se batem
é muita empolgação!

o nó me sufoca
me aperta
lágrimas caem

poesia que chega
certeira
como presente da vida

sem laços
pequenos pedaços do tempo
sensações da poesia
da mulher que tem a alma
na ponta dos dedos
tecida para mim

Recebi o primeiro E-book Poemas à Flor da Pele, de Lenise Marques..
Soninha Porto Flor
Enviado por Soninha Porto Flor em 18/08/2007
Reeditado em 12/05/2020
Código do texto: T612440
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Soninha Porto Flor
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
352 textos (18137 leituras)
1 áudios (69 audições)
18 e-livros (1929 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/05/21 10:31)
Soninha Porto Flor

Site do Escritor