Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Hoje...

Hoje, acordei poeta
pois em meu corpo restaram
marcas de seus dedos
que trilhando caminhos de prazer
desenharam rimas e estrofes
como tatuagens,
não me deixando esquecer
que, nesse dia ,
juntos dedilhamos liras
nas cordas tensas do desejo urgente
num dueto de louvor
a este amor que nos enlouquece
e que nos faz capazes de,
um ao lado do outro,
sermos uma só voz
quando entoamos a canção
que juntos compomos
ao unir nossas vozes,
ofegantes,
na mágica alquimia
da plenitude do gozo.
 
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Enviado por Maria Luiza de Monteiro Marinho em 08/05/2006
Código do texto: T152776


Comentários

Sobre a autora
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
149 textos (4853 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/03/21 22:22)
Maria Luiza de Monteiro Marinho