Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fim do Dia

Torço pra que o tempo passe ainda mais depressa
Não vejo a hora de poder revê-la, e, outra vez, tê-la pra mim!...
Tê-la como sempre: em meus braços e no calor da nossa cama
Sob a cumplicidade conhecida dos lençóis amassados
E tantas vezes molhados por corpos umedecidos num desejo inacabável!

Não posso passar o tempo. E, agora, nem queria fazê-lo!
O dia findou. E adoro está contigo em nosso canto de amor
É lá, no paraíso sagrado, que eternizamos nossos momentos
Nossos pequeno-grandes momentos que só nós fazemos igual.
Pois ninguém mais faz com tanta perfeição e gozo tão natural!

Acho que o amor é uma questão de escolha e a fizemos bem
Nós nos completamos plenamente. Somos metades de um só ser!
Parte daí não termos cesuras em nossos desejos. Podemos tudo!...
Tudo é plausível e respeitável, segundo nossa concepção
É um entendimento louco, terno e delicioso, cheios de toques d`amor!...
Sabino Marques Martires de Sousa
Enviado por Sabino Marques Martires de Sousa em 22/06/2009
Código do texto: T1661692


Comentários

Sobre o autor
Sabino Marques Martires de Sousa
Itaituba - Pará - Brasil, 48 anos
79 textos (1887 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 02:02)
Sabino Marques Martires de Sousa