Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor Não Correspondido.

Duro é amar e não sentir o amor voltar,
Responder e não se corresponder,
Ter planos e em trapos como pano se tornar,
Sonhar com outrem e não ter parte em seus sonhos,
Planejar apenas planejar nada de que se realizará;
Sonhos frustrados por falta de correspondência,
Insano sentimento que doloriza o coração do pobre imbecil
Agora só ama, agora a si só ama, mas não deixa do outro amar.
Tarjas de dor rotulam seu coração,
Contraindicando o amor vagabundo que vaga o mundo
E só traz dor ao solitário sentimento,
Cobrado por não corresponder a quem não lhe valorizou
Dane-se essa dor! Dane-se isso que se diz amor!
Apenas renuncia sua vida aos seus próprios desejos,
Onde sua vida está apenas na loucura de um aparente amor,
Que vigia suas próprias vontades deixando o outro o sopro da dor,
No momento exato em que sua necessidade está em estar com seu amor.
Pobre coitado que depois de tantos tabefes
Enfim levanta a sua cabeça nas trevas da dor,
E surpreende a criatura imbecil que perjura sentir por mim amor
Crente que em mais um sacrifício terá a prova do amor,
Vê o seu altar abandonado e a si questionado,
Onde foi o erro, o que deu errado?
Me abandonaste à sua individualidade

Jocca Zêmiph
Jocca Zêmiph
Enviado por Jocca Zêmiph em 26/07/2009
Reeditado em 28/12/2012
Código do texto: T1720624
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Jocca Zêmiph
Recife - Pernambuco - Brasil, 38 anos
76 textos (10360 leituras)
1 e-livros (30 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 16:54)
Jocca Zêmiph