Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEUSA DE UM POETA

DEUSA DE UM POETA


Enternecedor olhar que esta deusa contempla,
Fascínio ao homem é a arte de sua proposição;
Encômios de ledice que a Natureza  a sustenta,
Para o calete másculo se encantar na admiração.

Lábios delicados que a induz tornar-se sedenta,
Por mimos suaves que pede seu meigo coração;
Detalhes femininos fazem dela uma vestimenta,
Para o mundo ornar com sua beleza e sedução.

Seu rosto  esculturado no perfeito, fá-la divinal,
Refulgindo poesias do trovador em declamação;
Estância da pulcritude consagra o elo magistral,
De uma fantástica diva que se vê em aclamação.

Seus cabelos cintilantes com estilo e arte teatral,
Tópico de uma magia que encanta em amplidão;
Sustentáculo de um monumento assaz angelical,
Senhora dos meus sonhos e de toda a inspiração.

Rivadávia Leite
Rivadávia Leite
Enviado por Rivadávia Leite em 15/07/2011
Código do texto: T3097279


Comentários

Sobre o autor
Rivadávia Leite
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil
222 textos (4655 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/21 02:15)
Rivadávia Leite