Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O SIÊNCIO DOS TEUS OLHOS

 
Dos teus olhos, o silêncio
São as palavras mais eloquentes
Frases perdidas em erupção
Frémito mudo ecoando na noite
Em que o meu corpo bebe do teu
O segredo das almas incompreendidas.

Dos teus olhos, o silêncio
São as carícias mais alucinantes
As frases mais misteriosas
Escritas em letras garrafais
Que só os meus olhos perscrutam
Na expressão calada
Com que me atravessas.

Dos teus olhos, o silêncio
São as mãos mais delicadas
Dos afagos mais serenos e sedentos
Enlouquecidas, vagueando lentas
No meu corpo embriagado e entontecido
Ardendo na febre da ansiedade.

Dos teus olhos, o silêncio…
São as pérolas mais preciosas do teu rosto
Sol alegre e quente de Verão
Como bênção, acalmando
A irrequietude da minha alma
Que ante ti se deslumbra e ilumina.

 
Josalvespt
Enviado por Josalvespt em 11/08/2011
Código do texto: T3152886

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Josalvespt
Portugal
56 textos (1556 leituras)
2 áudios (138 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 10:36)
Josalvespt