Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor Eterno

Penso, sem descanso,

por onde andará seu sorriso

em que corpo suas mãos caminham

qual a boca que agora beija

em que leito seu amor derrama

 

Penso, sem descanso,

se lembra de mim ao olhar o mar

ou ouve, no vento, meu chamar

meu soluço no amanhecer

e à noite, meu gargalhar

 

Penso, sem descanso,

que o laço que nos unia

fortaleceu-se em aço

e mesmo que agora negues

nos enredou para o infinito

 

Vou descansar meu peito

esperando seu barco atracar

sua busca de peito aberto

pelo amor já conhecido

num eterno recomeçar



Você  me verá chegar !

 

 
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Enviado por Maria Luiza de Monteiro Marinho em 25/01/2007
Reeditado em 25/01/2007
Código do texto: T358691


Comentários

Sobre a autora
Maria Luiza de Monteiro Marinho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
149 textos (4853 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 09:03)
Maria Luiza de Monteiro Marinho