Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TORRE DE VIGÍLIA...

Farol da noite abençoada
Que o mar, em revolta profunda
Lançou inveja amaldiçoada
Cobrindo-lhe de lama imunda

Do cabo, ao porto mais distante
A tristeza deixou-se levar
Murmúrios das naus, e o instante
Do cortejo velado, ao altar

E o balanço revolto das águas
Desfrutava sorriso afim
Nas paragens, nas estalagens
Dita anseio, oh querubim

Mais o nobre, de forte que era
Revelou-se austero ao mar
Que de inveja jorrou-se nas pedras
Do rochedo, sustento pilar

O Guardião
Enviado por O Guardião em 01/02/2007
Código do texto: T366290

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
O Guardião
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
366 textos (36058 leituras)
13 áudios (2428 audições)
2 e-livros (2031 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/20 08:25)
O Guardião

Site do Escritor