Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor: ação de gerar

Eu amo e amo tanto alguém
Que esse amor passou a ser dois
Duas vidas que se misturam
Num só corpo, numa só vida
Amar é querer, sem direito de posse
E ter e não se importar em ceder
Ao tempo, à vida, a outros.
Mesmo que doa, que sangre
Ainda assim será amor, e nem por isso, menor.
Talvez até aumente e novamente duplique.
Vira daí o sentido de amamentar?
Amar a tal ponto que o amor que se sente
Aumente e vire alimento de uma nova vida
Que se tornou vida no exato momento
Em que o amor virava amor demais, de dois...
De mais de um, passou a ser três.
Amor único tornou-se trino.
Uno que é Trindade.
Será essa a fórmula do amor verdadeiro?
Não sei, mas acerca de muito já se
falava dessa condição especial de Amor.
Sem certezas, continuarei amando,
até que a verdade seja a mim
R E V E L A D A.
Amém!
Arsenia Rodrigues
Enviado por Arsenia Rodrigues em 03/02/2007
Reeditado em 26/06/2008
Código do texto: T368449
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Arsenia Rodrigues
Salvador - Bahia - Brasil
69 textos (7716 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/09/20 23:57)
Arsenia Rodrigues