Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nosso amor !

Quando me sentei naquela relva,
vento suave trouxe-me meu eterno namorado.
Leve brisa suave e morna,
soprou aos meus ouvidos todos nossos segredos.

No silêncio da noite,
quando estamos sós,
Ha! tenho medo, medo de mim, medo de ti.
Quero, preciso amar, perder esse medo.
Permitir ao coração...
esse doce e suave veneno.

No teu colo e em teus braços,
meus olhos fechar,
esperar teu carinho, um beijo.

Preciso que penetres em mim,
desvende todo meu segredo.
Não dá mais para adiar, não dá!

Fugir do amor? Pra onde? Pra quê?
Seria negar uma verdade.
Pois sua voz doce como a de um anjo eu já conhecia.
E nossas almas a muito já se pertenciam uma a outra.

Aracelly loures
Enviado por Aracelly loures em 20/02/2007
Reeditado em 29/04/2007
Código do texto: T387147


Comentários

Sobre a autora
Aracelly loures
Anápolis - Goiás - Brasil, 41 anos
63 textos (17443 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 15:18)
Aracelly loures