Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor

Deixes que eu te olhe,
Pois é chegada a hora!
Pensei que  havia demora
E atraído vim e te esperar.

Deixes que eu te fale:
Que te ame sozinho.
Há uma luz macia na paz,
E a aflição é passageira.

Deixes que eu acaricie teu rosto
Para que eu te sinta bem profundo,
E possa ser manso no mundo
Como o navegante em águas mortas.

R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 17/03/2007
Reeditado em 17/03/2007
Código do texto: T415759
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3406 textos (85230 leituras)
2 e-livros (489 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/20 01:05)
R J Cardoso

Site do Escritor