Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perplexa

Perplexa...

Quando o amor esconde a face
E, no anoitecer,  amortece o cansaço
Sinto que nas nuvens da fumaça
Passou toda aquela ameaça
Ficando somente a mordaça,,,

Já não és mais meu amor
Tudo feneceu, só ficou a flor
Da ilusão que em meu desalinho
Ruiu nas cadências da paixão
Amigo, terás sempre meu coração...

Se restou somente a amizade
Diluida no êxtase das lembranças
Tendo se acabado toda esperança
Volto a ser na eterna saudade
Aquela menina, menina de tranças...

E, de cigarro em cigarro, estranho
As tragadas dos meus devaneios
Sempre que as baforadas dos anseios
Me transportam a procurar
Já não consigo mais me encontrar...
 
Vamos falar só de amizade
Tudo que passou ficou na saudade
São águas que já passaram
Passaram e só deixaram
As cinzas da realidade...

Vou, no aguardo que virá
Nas rimas que vou deixar
Encher o meu coração
Não busco mais ilusão
Vou viver pra versejar...

Não rimo mais amor com dor
Rimo a flor e seu frescor
Rimo a riqueza da vida
Rimo o ar com sua cantiga
Rimo a paz, rimo tudo com amor...

Myriam Peres
Myriam Peres
Enviado por Myriam Peres em 14/05/2007
Código do texto: T486783

Comentários

Sobre a autora
Myriam Peres
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 89 anos
473 textos (60592 leituras)
5 e-livros (278 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/19 07:54)
Myriam Peres