Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOITES QUENTES


Caio entre lençóis brancos e limpos
e tu cais sobre o meu peito
se desvelando em carinhos
de qualquer modo,
de qualquer jeito

Navego em cetins, lençóis,
fronhas macias
pelo caminho que já conheço
do meu cais que é o teu

Fico desdobrado em berço doce,
explêndido no teu tocar
e o meu tocar no teu

Depois de esfregar
corpo com corpo
suo a colcha amarela
e molho mais nossa aquarela

Sem que a madrugada assim perceba
dou pra lua uma piscadela,
penduro a colcha na janela
muito antes do arrebol
pra brilhar antes do sol

Fernando Tanajura
Enviado por Fernando Tanajura em 12/10/2005
Código do texto: T59022
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Fernando Tanajura
Estados Unidos
1631 textos (163346 leituras)
1 e-livros (179 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 22:01)
Fernando Tanajura