Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Malogro do Amor

Eu sou um rapaz, que é inservívio...
Mas que têm um coração com alívio...
Por viver uma paixão indestrutível!
Onde soluções não são incabíveis,
como um orvalho; em tempos remotos.
Tendo uma rosa com o brilho dos seus olhos...

Numa noite de terror...
Enchendo meu coração de amor!
Como um velho senhor;
vivendo uma loucura do glamur.
Sendo uma estrela, solitária que ninguém vê...
Sendo invejado no meu modo de viver!
Com tristeza meu coração vem a encher,
eu paro, e me pergunto?
O que será de mim sem você?
A minha vida precisa ter você;
mesmo sendo impossível amar você...

Numa noite de terror...
Enchendo meu coração de amor!
como um velho senhor;
vivendo lucura do glamur.
Eu paro, e me pergunto?
O que será de mim sem você?
Vivendo esse malogro do amor.

Malogro = Insucesso, fracasso.
Inservívio = imprestável.
Alan romântico
Enviado por Alan romântico em 30/08/2007
Código do texto: T630190
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alan romântico
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 28 anos
5 textos (195 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 16:08)
Alan romântico