Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu não te amo!

Eu não te amo!
Eu te adoro!
E te desejo tanto
Que imploro em pranto:
Dê-me, por Deus,
Os beijos teus!
Com esses lábios
Mais que perfeitos.
Tão suculentos e loucos
Que pouco a pouco
Enlouquecem os meus.
Templo púrpura
De explosiva libido
Úmida tortura
Que a saliva entorna.
Branco rosário
De ebúrneas contas
Teus alvos dentes
Me envenenam
Quando mordiscam
Ardentemente
A minha pele eletrizada .
Entorpecido pela peçonha
Desse desejo que me enfraquece
Quero sentir a sanha medonha
Dessas entranhas que me ofereces!



Edmar Claudio
Enviado por Edmar Claudio em 12/09/2007
Código do texto: T649231
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edmar Claudio
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
217 textos (26340 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 21:32)
Edmar Claudio