Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carícias

Quando sinto o calor do teu perfume
Que vem da pele aveludada com que sonho
Como cego o sigo, é meu lume
Sinto-me no meu sonho mais medonho
Pois me embriago com a essência das maçãs
Doces que encontro em tua face
Dentre todas, a tentativa mais vã
Seria se a mim mesmo a isso me furtasse

Em estadia voluptuária nesse meio
Que me acalma e me embriaga sem parar
Acosto-me e "re" costo-me em teu seio
Sem querer ouvir meu corpo reclamar
E com seus lábios derramando o doce mel
Entramos em sintonia perfeita
Mas logo após por saudade amargo o fel
De uma sintonia maxo e fêmea ineleita.
Gláuber Ferreira
Enviado por Gláuber Ferreira em 14/09/2007
Código do texto: T652413

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gláuber Ferreira
Pau dos Ferros - Rio Grande do Norte - Brasil, 30 anos
21 textos (1393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 09:32)
Gláuber Ferreira