Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Grande Amor

Toda vez que você sorrir
Os pássaros começam a cantar
É uma melodia tão bela
Que deleito ao escutar.

E enquanto transformo a tristeza dos teus olhos
Na alegria que devolvestes aos meus
Saio deste poço sombrio onde te encontrei
Para viver o mais lúcido apogeu.

E o suor inflamável que cerca o nosso corpo
Hoje toco a brasa vermelha que queima nossa paixão
Ascendendo as chamas e aquecendo o nosso coração.

Pois a brisa que bate no teu rosto
É a minha respiração ofegante junto a ti
E a água que mata tua sede
É a saliva dos meus beijos
Que degustas como o mais doce mel.

E enquanto vejo tão distante o brilho do farol
No céu vejo de perto as estrelas que refletem no mar
Penso então no seu jeito carente pedindo-me para ficar.

 E é nesse teu amor incandescente
Que ganho forças para lutar
Sigo motivado pelos teus sonhos
Esses que um dia irei realizar.

E neste dia só nós descobriremos o significado da palavra amor
E da conjugação do verbo amar
Pois são poucos os seres – humanos
Que esse sentimento consegue decifrar.

Mais você é minha outra metade
Meu inicio, meio e fim
É a mulher dos meus sonhos
E o que preciso para ser feliz
Te amo...

(Dedicatória a Minha Noiva e Também Poetisa Tatiana Rodrigues)
Nilmário Quintela
Enviado por Nilmário Quintela em 15/09/2007
Código do texto: T653914

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nilmário Quintela). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nilmário Quintela
Salvador - Bahia - Brasil, 31 anos
214 textos (19309 leituras)
1 áudios (707 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 01:06)
Nilmário Quintela