Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aviso

Não me olhe assim
com essa sua cara
de quem comeu
e gostou,
que eu me perco,
nesse momento,
em profanos pensamentos.

Não me olhe assim
com esses seus olhos
de mar em fúria.
Presa, como estou,
fico entre a sedução
e a penúria.

Não me olhe assim
com tanto gozo,
num oceano de luxúria.
Grito ao mundo,
ao vento, ao céu:
Que tesão! Que loucura!
Flor da Pele
Enviado por Flor da Pele em 15/09/2007
Reeditado em 15/09/2007
Código do texto: T654183
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Flor da Pele
Toledo - Paraná - Brasil
92 textos (3260 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 04:45)
Flor da Pele