Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nas Garras Do Amor

Andava pela rua tão solitário
Nada via além do próprio rastro
Até você chegar e me encontrar
Me pegar pelas mãos e me levar.

Com seu jeito felino de ser
Fez-me sonhar, me fez viver
Com um jeito doce de querer
Acordei contigo ao amanhecer.

Pegou-me de um jeito, só teu
Me fez enlouquecer, agora sou eu
Estive em vários lugares, até no teu
E quando acordei, já não era mais eu.

Viajei nos seus sonhos, e você nos meus
Queria te viver, mas você não me viveu
Estive em suas garras, mas você não viu
Perdeu a grande chance e já amanheceu.
Marcos Lima
Enviado por Marcos Lima em 19/09/2007
Código do texto: T658673

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Lima
Taguatinga - Distrito Federal - Brasil, 44 anos
108 textos (7304 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 00:29)
Marcos Lima