Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Retorno


Retornou a confiança nesse carinhoso amor
Ao som duma voz doce, carícia da minh´alma
O som do sorriso terno, á minha vida dá cor
O afago longínquo que a minha solidão acalma

O sonho que sinto que continuo a compartilhar
Duns meigos olhos mirar, o confronto desejado
O errante reencontrado, para na eternidade, amar
O espírito inquieto, de emoções contidas, liberado

Amante espiritual, enlaçado em afectuosos elos
Ternos carinhos, de amor delicioso, doce, e total
Tua coragem, tua dedicação, sentimentos belos
Uma entrega e confiança que transcende o virtual

Se assim nos sentimos os dois, queridos e amados
Para quê ficarmos tristes, desiludidos e amargurados
Se não somos pelos outros, aceites ou entendidos?

Pois só assim somos felizes e continuaremos a lutar
Para enfim um dia, nos olhos as lágrimas a brilhar,
Os nossos corpos num longo abraço, ficarem unidos.
Arlete Louro
Enviado por Arlete Louro em 01/11/2005
Código do texto: T66149


Comentários

Sobre a autora
Arlete Louro
Alpiarça - Santarém - Portugal, 64 anos
245 textos (37556 leituras)
3 áudios (202 audições)
5 e-livros (297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 23:20)
Arlete Louro