Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Por onde andará

a minha abelhinha,

voando doçuras pelo ar?

 

A primavera já veio

e tu, somente tu,

teimas em não chegar... 

 

Tenho pressa, muita pressa

em ter notícias tuas.

E, mais depressa ainda, quero te reencontrar.

 

Imagino a melodia da tua voz,

e meu coração dispara

uma emoção singular.

 

Adivinho o teu toque macio,

teu beijo suave, teu abraço gostoso.

E, de olhos abertos, fico a sonhar...  

  

Abelhinha... Vem de leve, bem de mansinho,

com teu zumzum de amor

vem, no meu coração, primaveras para sempre adoçar...

 

 

(José de Castro, 24/09/07, da série “Poemas Adolescentes”)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

José de Castro
Enviado por José de Castro em 24/09/2007
Reeditado em 24/09/2007
Código do texto: T666705

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José de Castro
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 69 anos
2311 textos (691095 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 01:11)
José de Castro