Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SÓ DIGO VAMOS

Hoje é dia de abrir os braços
E me jogar na boemia,
Se receberes, por acaso,
Alguma mensagem minha
saiba que é por nosso laço
que considero estrela guia,
caso eu me perca nos bares
eu me acho em tua sina,
caso eu me afogue na cachaça
é o teu ar que me reanima,
rio de mim e compartilho
tanto da dor quanto alegria
destes errantes passos
sedentos de encontrar,
hoje eu digo: vou aloprar!
Diego Duarte
Enviado por Diego Duarte em 09/08/2019
Código do texto: T6716268
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diego Duarte
Ananindeua - Pará - Brasil
401 textos (7789 leituras)
3 e-livros (135 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/19 19:16)
Diego Duarte