Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A LAREIRA


Em frente a lareira me encontro
Bem sentado em um sofá
Lá fora o frio, uma noite gelada
Aqui dentro a minha namorada
E uma garrafa de vinho suave
Ouvindo o crepitar do fogo
Que nos esquenta e nos anima
Compondo este poema com rima
A lareira, o vinho, o amor
Não sei quem mais esquenta
Nessa noite solidão não existe
E nem o meu corpo resiste
A tantas carícias com paixão
Em nossas mãos taças de vinho
Um abraço forte bem coladinho
Tendo a lareira como testemunha
E a noite lá fora sempre fria


Moacir Rodrigues
Enviado por Moacir Rodrigues em 07/12/2019
Código do texto: T6813439
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Moacir Rodrigues
Recife - Pernambuco - Brasil, 70 anos
1886 textos (36297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/02/20 21:48)
Moacir Rodrigues