Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta de amor.

Havia dito a mim mesma que não iria mais lhe escrever, que não queria mais te encher, mas não consegui, vim aqui dizer que te quero pra mim.
Que todo mundo já sabe, que eu amo mesmo assim, que não consigo mais ficar sem ti, que meus pensamentos estão sempre a me conduzir, preciso de ti!
 
Mas porque eu? Se existe tanta gente que pode te fazer feliz, porque eu? Se aqui não há mais nada que te faz sorrir.
E essa é a parte ruim, essa é a hora que eu tento fingir que não percebi, que vc não liga pra mim...
 
Desculpe-me, por ser assim, por querer gritar ao mundo que te amo até o fim.
Desculpe-me, por enlouquecer e sempre permancer aqui, esperando qualquer migalha que vc possa oferecer a mim.
Descupe-me, por querer sempre te ver sorrir, querer sempre o teu abraço, o teu cheiro, o teu afago.
 
Eu queria que vc soubesse e que todo mundo soubesse que eu amo, e amo mesmo, e amo só vc!

www.criscriskelly.spaces.live.com
Cristina Andrade
Enviado por Cristina Andrade em 12/10/2007
Código do texto: T691944

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristina Andrade
Osasco - São Paulo - Brasil, 31 anos
11 textos (1255 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 05:54)
Cristina Andrade