Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esperas e Ausências

Que calendário guarda a data
que te anuncia nos meus dias adiados?
Acumulo tanto tempo de esperas e ausências
folhando as páginas dos meses
e enfeitando a esperança
com a poesia que te chama.

De tanta noite na janela...
Guardo o orvalho no olhar
e a lua nos cabelos.
Desprende-se inútil
a rosa da manhã que desabrocha
fenecendo nos ocasos
ao descaso das semanas.

A passagem dos dias
fez diário do meu rosto
nas anotações
com que o tempo me assinala.
Cada noite que se perde
morre um pouco o que te vive.

Só temo que tu chegues
e eu não mais esteja aqui
nessa data em que de mim
se ausente o que te espera.
Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 15/10/2007
Código do texto: T695633

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (86110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 01:46)
Vaine Darde