Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rumo a ti

Fico inebriada por esse olhar
Anestesiada
Trémula
Entre consequências e sequências,
Quase perdida no mapa
Sem caminho
Rumando a ti incerta
Sem pedras na calçada
Sem montes e vales
Rios e oceanos.
Sigo caminho
Sem medos
Deixando-me levar ao fundo dos teus olhos
Irreflectida
Seguindo apenas…
 Passando entre a melancolia
Ondas e marés de tristeza
Espelhando a alegria
Pitadas de sintonia
Caindo no teu saudosismo
Surgindo fruto da tua alma…
Abraçando todas as cores
Que teus olhos contém
Quando penetram os meus.
Joana Sousa Freitas
Enviado por Joana Sousa Freitas em 15/11/2005
Código do texto: T71878

Comentários

Sobre a autora
Joana Sousa Freitas
Lisboa - Lisboa - Portugal, 44 anos
125 textos (7787 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/01/21 23:41)
Joana Sousa Freitas