Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTAMOS ENVELHECENDO

Nós estamos envelhecendo, é verdade
Mas ainda te amo como no primeiro dia
E no seu colo eu entendi que eternidade
Era ver o meu mundo quando você sorria

Meu sorriso hoje tem a rugas inevitáveis
Mas ainda é você o motivo do meu sorrir
Parecem piegas as declarações infindáveis
Que refletem o caminho que quero seguir

Me chame de brega, bobo ou até cafona
Pode rir se digo que sou seu travesseiro
Suspiro com seu jeito afetivo e mandona
E não vivo se um dia ficar sem seu cheiro

Nós estamos envelhecendo, é verdade
Mas ainda te amo como no primeiro dia
E no seu colo eu entendi que eternidade
Era ver o meu mundo quando você sorria…
Carlos Eduardo Muniz
Enviado por Carlos Eduardo Muniz em 15/09/2021
Código do texto: T7342548
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Carlos Eduardo Muniz
Sinop - Mato Grosso - Brasil, 69 anos
558 textos (11602 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/21 07:00)
Carlos Eduardo Muniz