Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O dia já amanheceu
em festa
pois caiu logo cedo
uma tempestade
que em raios
e trovoes
anunciavam
a minha saudade
de você
As chuvas a cair
e eu a bailar
entre as gotas
que caiam
em minha pele
me acariciando
todinho
e eu sentindo
cada fria gota
que caia
em minha pele
e aquecia
e evaporava
com meu calor
eu a sentir
como a caricia
sua
ao me tocar
e ao me sentir
e me deixei levar
pelo banho
incansável
desta tormenta
da natureza
e bailei
como se contigo
estive
a dançar mos
juntos
sobre o brilhos
dos trovoes
e raios
a retumbar
sem parar
como nossos
corações
apaixonados
e enlaçados
e assim fiquei
ate a ultima gota
e o ultimo raio
e te senti
junto a mim
eu a você
a nos amar
sem parar
ate nos esgotar
assim como a chuva
que agora finda
e repousa em mim
agora a me aquecer
assim ficamos
eu e você
Como as gotas
Da chuva

Sal Eterno Aprendiz
Enviado por Sal Eterno Aprendiz em 19/11/2007
Reeditado em 19/11/2007
Código do texto: T742962

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sal Eterno Aprendiz
São Paulo - São Paulo - Brasil
550 textos (32454 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 17:13)
Sal Eterno Aprendiz