Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORTAS ABERTAS

   
NO MEU OLHAR, EXISTE UMA DISTÂNCIA,
KILÔMETROS E KILÔMETROS LONGE DE TI,
AS HORAS SE PASSAM SEM PIEDADE,
E NA SAUDADE, SIMPLESMENTE ESTOU AQUI.
EM LÁGRIMAS, CRIO ASAS,
E VOAREI ATÉ OS BRAÇOS DE DEUS,
MEU CORPO, EM NAUFRÁGIO, NA VERDADE,
É A REALIDADE DE UM TRISTE ADEUS.
A DEPRESSÃO É UMA COLISÃO DE CONFLITOS
REFLETIDA EM MINHA PESSOA,
QUERO ME REPARAR NA QUALIDADE DE SER GENTE,
POIS, INÚTILMENTE, EU ANDO A TOA,
E NÃO CONSIGO ESTAR CONTENTE.
VIVO AUSENTE DE PESSOAS NORMAIS,
PERIODICAMENTE, RECEBO VISITAS
DE MENTES E CORPOS ASTRAIS.
QUERO SABER AONDE IREI CHEGAR,
SEI QUE A LOUCURA É CERTA,
AS PORTAS ESTÃO ABERTAS
E O PASSADO CONVIDADO A SE RETIRAR.

POETASP
Enviado por POETASP em 01/12/2007
Código do texto: T760503

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETASP
São Paulo - São Paulo - Brasil, 51 anos
354 textos (17714 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 18:46)
POETASP