Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O meu verso

A única riqueza do meu verso
É a de te trazer em cada sentimento
É a vírgula do teu riso tão feliz
É a exclamação do teu olhar tão azul
Que me fita tal uma menina a interrogar
A afirmar que o piano sempre vai soar
E que as lembranças serão presentes
Serão as rimas que nos unem pelo ar
Com sua métrica perfeita tal um soneto
Tal o dueto da nossa história sem fim
Já tingida de amarelo pelas páginas do tempo,
Que passa e faz o nosso presente, perfeito!
Faz do meu verso a minha maior riqueza,
A exclamação do teu olhar no meu olhar
Que inebriado fita o teu ser tão amado
E brinca com as rimas, só pra te amar.

Serratine.

Ilha, 24.XI.2007.


Prá minha rainha.

(Todos os direitos reservados ao autor. Obra protegida pela Lei 9.610/98)
Serratine
Enviado por Serratine em 01/12/2007
Reeditado em 01/12/2007
Código do texto: T760740
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Serratine
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 44 anos
21 textos (671 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 09:04)