Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRISTEZA INFINITA

TRISTEZA INFINITA
Acordei com uma vontade imensa de chorar!
Chorei muito até secarem todas as lágrimas...
Era preciso tirar a dor que se instalou no meu peito;
E o medo da eminência de uma morte anunciada,
Já esperada!Mas sempre se tentando escapar,
E agora vejo que não tem mais jeito...
Não tenho para onde fugir,
Não posso mentir ou fingir que esta doença não existe
Que não está a me consumir... Meu corpo,minha mente...
Tudo ela vai destruir,por isso vou por nos poemas;
As perdas e danos que estão por vir...
Os leitores me perdoem,por mostrar minha dor assim!
Mas a solidão que sinto é tão grande que preciso dividir
A dor pelo meu amor perdido, que é maior do que a própria morte!
Saber que não é amada!Que seu amor não vale nada!
É insuportável demais
Quando perdi o meu amor, perdi também uma parte de mim!
Hoje estou só, os filhos criados e sem saber que estou assim
Os sintomas ha. três dias começaram... Logo percebi!
Pensei: À hora está chegando, tenho que me preparar para partir!
Mas o que mais oprime meu peito é não ter quem me diga:
Eu Te Amo!Eu Adoro você!Sou Louco por Você!
É isso que me destrói!E me corrói o peito como ácido...
Se um pedido Deus me concedesse...
Não seria vida que pediria...
Pediria somente alguns dias com o homem que eu amo
E que ele também me asse por esses dias
Pois aí eu morreria
Na mais tranqüila alegria!
Pois escutaria sua voz me dizendo palavras de amor!
A solidão iria embora...
E eu mergulharia profundamente nos delírios desse amor
Tão profundo, Que vai atravessar os séculos
E viverá enquanto tiver alguém para contar
A história desse amor imortal
Dessas almas que se encontraram...
Mas não puderam juntas ficar...
A historia desse amor vai ser cantada em prosas e versos
Pois aqui vou deixar registrado com louvor;
Um amor que se eternizou!...
Helena Lins-31-01-2008
Helena Lins
Enviado por Helena Lins em 31/01/2008
Código do texto: T841347

Comentários

Sobre a autora
Helena Lins
Salvador - Bahia - Brasil, 58 anos
325 textos (22136 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/01/21 12:49)
Helena Lins