Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ode ao Rio Capibaribe


Sobre a Ponte do Pina contemplo os barcos coloridos dos pescadores,
Vejo também a beleza dos mangues que beiram o grande rio,
Rio que é dos brancos e dos negros, dos barraqueiros e dos doutores,
Rio que hoje é calmo e receptivo mas que um dia já foi hostil.

És belo! Sim, confesso-te! És belo e fértil como o nosso país,
Quantas e quantas bocas já comeram dos teus peixes e crustáceos?
Mas porque que tu ainda assim estás sendo castigado? Diz!
Estás sendo poluído pelos lixos químicos e biológicos dos empresários,
Sei que cessastes as tuas inundações por que assim tu quis,
Contudo, reages! Não deixas que os seres humanos assinem teu obituário!


Todos os Direitos Reservados pelo Autor.
Fábio Pacheco
Enviado por Fábio Pacheco em 22/09/2007
Reeditado em 23/09/2007
Código do texto: T663877
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Pacheco
Recife - Pernambuco - Brasil
1120 textos (58592 leituras)
10 áudios (233 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 02:13)
Fábio Pacheco