Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Se derepente eu partir voltarei pra você



Após passar anos aguardando estar em seus braços, sentindo o seu corpo, recebendo seus carinhos e tendo a força para viver

Hoje me perco na noite, sem saber o que fazer, sem saber para onde ir e olhando sempre para os lados sem sono sentir  com medo de  perder você passando então a no silêncio da madrugada aos poucos  morrer

Morro um pouco mais a cada instante  que se passa  pela falta  que você me faz... Eu, morro devagarzinho  sempre desfrutando de saúde e vida porém com a dor escondida

Se eu derepente morrer.Não sofra por mim,
Não brigue com o mundo e não deseje também morrer,
Mas não brigue com Deus por Ele ter  me tirado de você....
Você poderá sempre me reencontrar,
Bastas fechar bem os olhos,
E nas verdades de suas promessas  crer.

Morro  nas alegrias, nas dores e na ausência dos amigos
Morro nas saudades, nas tristezas e nas solidões contidas...
Morro dolorosamente a  cada  dia e noite, morro cada vez mais ao lembrar da hora da despedida

Apesar de estar, sempre cercado,  de pessoas queridas e companheiras que me amam de verdade e querem sempre o meu bem...eu morro da pior forma, morro em vida,  porém  em segredo, para não machucar a ninguém

Dói na alma estar vivo,  tão jovem e não poder te abraçar
Dói com tamanha intensidade, que as lagrimas da minha face não param de rolar

Muitas vezes, paramos no tempo sem saber o que fazer, pois quando o coração não suporta passamos a sofrer

A dor que invade a alma e contagia todo o nosso  ser faz  ...
A vida perde o sentido e em vida,  estamos sempre,  delicadamente a  morrer

Se os anjos me ouvissem, de você não me afastaria,
 pois qual o sentido da vida se eles nos levam as alegrias
Que missão dolorosa é essa  que nos deixa em conflitos, querendo sumir nas estrelas  muito além do infinito?.
Porque será que ao amar, muito temos de sofrer, mesmo quando amamos em silêncio para ao outro não prender?
Que dor é essa meu bom Deus, que me invade todo dia, que penetra  na profundeza da alma me sugando todas as energias.

Daí-me a sua mão para eu poder seguras, ter a certeza da volta sem me desesperar;continuar sempre amando ainda que tenha que muito mais sofrer. Pois sei que só em seus braços eu poderei descansa sem me perder na escuridão e sem deixar de amar

Daí-me o seu consolo e aplaca o meu coração...
Com a paz e a felicidade para que eu não fraqueje e nem me perca nessa solidão.

Se derepente eu partir, não quero que fique a sofrer, lembre-se das alegrias que juntos pudemos viver...lembre-se de todas as coisas das quais juntos fizemos,...dos beijos ,das dores, das lágrimas e até dos doces e desastrosos pensamentos

Pois onde quer que eu esteja, você comigo sempre estará, seja aqui nessa vida ou em algum outro lugar.
Não consigo aceitar essa tristeza que passo..e ainda que as dores sufoquem  não me perderei, pois darei sempre um novo passo;

Se derepente eu partir, nunca se permita esquecer. De que por mais distante que eu esteja de você jamais irei  esquecer....
Lembre-se que em meu coração você construiu um lindo castelo...florido e carregado de amor fortificando sempre o nosso elo...

E por mais que a distancia nos mate a saudade
Machuque e a dor  nos faça sofrer..
Eu estarei sempre  presente, te amando loucamente, com um amor verdadeiro puro e inocente. Pois você sempre será:
Minha razão de viver
Edysefer Seu Amigo Fiel
Enviado por Edysefer Seu Amigo Fiel em 14/10/2008
Reeditado em 14/12/2008
Código do texto: T1227321


Comentários

Sobre o autor
Edysefer Seu Amigo Fiel
Salvador - Bahia - Brasil
1952 textos (268240 leituras)
63 áudios (6510 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/05/21 20:20)
Edysefer Seu Amigo Fiel