Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MATEANDO NO CÉU

Seu Victorio pegou cuia e bomba
E partiu pra estância do céu
Lá chegando não estava solito
Seu Zé Otávio recebia-no feliz
Eis um diálogo bagual:
_ Buenas, Victorio!Sejas bem-vindo,vivente!
_Buenas, Zé!Que bom vê-lo,amigo!
Aqui nos pagos do céu,vamos campaer amizade!
_ Verdade, meu bom amigo!Lá nas pradarias do Sul,
nossas prendinhas queridas,campeiam versos!
_ O Patrão do Céu, há de abençoa-las com certeza!
_ Que assim, seja!Amém!
_Vamos matear, compadre!


http://denisesevergnini.multiply.com/journal/item/669
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 14/08/2005
Reeditado em 14/08/2005
Código do texto: T42541


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (953845 leituras)
16 áudios (8943 audições)
311 e-livros (34596 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/10/20 16:33)
Denise Severgnini