Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nua!

Despida sou diante de você!
Completamente nua,
de  peito aberto me entreguei a você!
Tão cruel como a morte, 
é a  distância que nos separa!
O cálido gosto dos seus beijos...
Deixa explícito, a saudade em mim!
Expurga do meu sôfrego coração,
toda dor !
Despe minh' alma;  você essência minha!
Não deixa esvaecer o que vivemos!
Lembro-me o que meus olhos comtemplaram,
quando te vi pela 1° vez....
Vi o paraiso, encarnado em forma de homem!
Excelso esse sentimento que nos invadiu,
transformando de ponta a cabeça os sentidos...
Como um pássaro,  ferida sigo ainda sem você!

Adriana Mallet
Enviado por Adriana Mallet em 10/04/2006
Código do texto: T136637


Comentários

Sobre a autora
Adriana Mallet
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
169 textos (23986 leituras)
2 áudios (383 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 08:42)
Adriana Mallet