Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CHUVA DE LAMENTO


A chuva que cai sem parar
aumentando o sofrimento,
que tua partida  me causou.
Olho para o céu, vejo a nuvem
ameaçadora, que com suas águas
lavam, minh’alma que sangra...
Lamento tua partida, espero tua volta.
Olho a estrada lamacenta lembro-me,
do triste dia que me disseste adeus!
Tão frio estava teu olhar, parece que
o vejo ainda, afastar-se, sem nada dizer ...
Aqui nessa solidão, são noites
sem  fim, dias tão longos.
Angustia de não compreender,
só tua lembrança é constante,
em minha vida vazia.
Volte amor... amenize minha dor...
Só assim poderei ter
a tranqüilidade que sonhei.
Fazer da vida um espetáculo lindo,
digno de ser representado.
Onde o personagem principal,
retornou e para sempre,
ao meu lado ficou!

Nadir A D'Onofrio
Praia Grande
15/04/2004-18:28

Nadir DOnofrio
Enviado por Nadir DOnofrio em 25/01/2005
Reeditado em 15/09/2018
Código do texto: T2422
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nadir DOnofrio
Serra Negra - São Paulo - Brasil
947 textos (98784 leituras)
147 áudios (13467 audições)
18 e-livros (4409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/18 23:31)
Nadir DOnofrio

Site do Escritor