Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Balada para o Coração

Hoje; tenho meu coração partido
Dividido em pedaços que jamais poderão ser colados
Hoje; sofro calado em meu canto,
Tranco-me, em meu mundo de ilusões
e fico a pensar;
Pensar em todo Tempo que perdi
por acreditar que o amor era insuperável; que nada nem o Tempo poderiam desgastá-lo.
Hoje percebo que tudo não passou de ilusão.
Que é inútil lutar pela aquilo que manda o coração; hoje sei que mais força tem a razão, pois nem sempre o querer é poder
Mergulho num mundo de trevas como ignorante que sou
Fico a fitar-me no espelho
Pensando em como poderia ter sido diferente a minha vida
Hoje; sou um louco, inconformado com tudo
Um desgraçado a procura de abrigo; de braços que acolham este corpo
E o afaguem como quem acalanta uma criança
Hoje; só o que me conforta é saber que ainda assim consigo alimentar sonho e esperanças para o meu coração quando ouço uma balada triste e o sinto ainda vivo dentro de mim.
Jorge Santos
Enviado por Jorge Santos em 12/02/2007
Código do texto: T379017

Comentários

Sobre o autor
Jorge Santos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
93 textos (4797 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 16:26)
Jorge Santos