Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem Rumo (T2951)

Numa estrada solitária
só eu e meus pensamentos,
o infinito que se apresenta,
um vazio sem fim,
só o silêncio em minha mente,
algo que não consigo decifrar,
nenhuma voz, nem um grito,
me fecho em mim,
estradas sempre longas,
caminhos múltiplos,
confusão que se instala,
sou como o pássaro
que quer voar mas não consegue,
que busca sua liberdade
mas se sente preso como na gaiola,
e fico preso em em minhas reflexões
tão vazias e sem um rumo certo.

Alexandre Brussolo (10/08/2017)
Alexandre Brussolo
Enviado por Alexandre Brussolo em 04/01/2019
Código do texto: T6543122
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Brussolo
São Paulo - São Paulo - Brasil, 50 anos
3176 textos (64608 leituras)
3 e-livros (184 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/02/19 02:21)
Alexandre Brussolo