Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A DESCOBERTA


Uma paz habita minha essência
desprende a pedra da ribanceira
Choveu n'alma obscura
Um mundo de sensações


Parece que existe alguem
ou qualquer coisa pequena
que surge la no fundo
entre a dor e a demência.

Entre vinho e luxúria
senti a terra nas mãos
delírio, desejo e sangue
Tambem gozei profanando
no que me deram pra comer

Repouso ao léo na minha eternidade
sentindo a glória do dever cumprido
a voraz sede do extinto
O solitário caminho do errante.
A Nilson
Enviado por A Nilson em 18/09/2007
Código do texto: T657277
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
A Nilson
Olinda - Pernambuco - Brasil, 41 anos
14 textos (457 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 20:59)
A Nilson